terça-feira, 10 de fevereiro de 2015

Comentários sobre as 10 Características Comportamentais do Empreendedor - CCEs

O psicólogo americano David C. McClelland foi o autor que deu início a estudos específicos sobre as ciências do comportamento empreendedor. Relaciona o conceito de empreendedorismo à necessidade de sucesso, de reconhecimento, poder e controle.

O programa Empretec trabalha os 3 conjuntos de:  Realização, Planejamento e Poder, na qual agrupam as 10 características do comportamento empreendedor.



CONJUNTO DE REALIZAÇÃO

CCE 1 – Busca de oportunidades e iniciativa

  • Faz as coisas antes de solicitado ou antes de forçado pelas circunstâncias;
  • Age para expandir o negócio a novas áreas, produtos ou serviços;
  • Aproveita oportunidades fora do comum para começar um negócio, obter financiamento, equipamentos, local de trabalho ou assistência.
Capacidade de antever-se aos fatos e criar novas oportunidades de negócios, desenvolver novos produtos e serviços, propor soluções inovadoras. Esta é a característica de coragem do empreendedor de sucesso. Coragem de encarar o desconhecido, pois agir antes de ser forçado por circunstâncias. Ser empreendedor é ter visão, e criar alternativas emergenciais para solucionar possíveis problemas no futuro.

CCE 2 – Correr riscos calculados

  • Avalia alternativas e calcula riscos deliberadamente;
  • Age para reduzir os riscos ou controlar os resultados;
  • Coloca-se em situações que implicam desafios ou riscos moderados.
Expor-se somente a situações no risco de exposição na medida certa, avaliar alternativas, calcular os riscos e agir para controlar resultados e redução dos mesmos. Disposição de assumir desafios e responder pessoalmente por eles. Ser capaz de enfrentar desafios sem colocar tudo a perder, evitando agir de forma impensada. É a característica que faz com que o empreendedor avalie as alternativas antes da ação.
Se possível, o empreendedor deve focar em desenvolver negócios com baixo investimento e ampliá-lo em escala orgânica, e, jamais colocar em risco um alto aporte de capital ou patrimônio, isto é inato e princípio básico do investidor.

CCE 3 – Exigência de qualidade e eficiência

  • Encontra maneiras de fazer as coisas melhor, mais rápido ou mais barato;
  • Age de maneira a fazer coisas que satisfaçam ou excedam padrões de excelência;
  • Desenvolve ou utiliza procedimentos para assegurar que o trabalho seja terminado a tempo ou que atenda a padrões de qualidade previamente combinados.
Fazer as coisas qualitativas, mais rápido e mais barato, exceder os padrões de excelência e assegurar que o trabalho seja concluído a tempo e na qualidade combinada ou mais. Esta característica é a paixão do empreendedor exitoso. Sempre buscar uma forma de melhorar o que tem que ser feito, diminuir o tempo, reduzir os custos. Estar sempre insatisfeito com o que foi feito. A insatisfação é a energia da mudança. É uma característica de processo contínuo.

CCE 4 – Persistência

  • Age diante de um obstáculo significativo;
  • Age repetidamente ou muda de estratégia a fim de enfrentar um desafio ou superar um obstáculo;
  • Faz um sacrifício pessoal ou despende um esforço extraordinário para completar uma tarefa.
Agir diante de barreiras "intransponíveis", mudar a estratégia para enfrentar desafios, assumir responsabilidade para atingir as metas. Enfrentar os obstáculos decididamente, buscando o sucesso a todo custo, mantendo ou mudando as estratégias, de acordo com as situações. Esta característica é o combustível do sucesso, buscar formas diferentes de alcançar os objetivos, incansavelmente querer algo satisfatório e continuar a jornada quando muitos preferem desistir.

CCE 5 – Comprometimento

  • Assume responsabilidade pessoal por solucionar problemas que possam prejudicar a conclusão de um trabalho nas condições estipuladas;
  • Colabora com seus empregados ou coloca-se no lugar deles, se necessário, para terminar uma tarefa;
  • Esforça-se em manter os clientes satisfeitos e coloca a boa vontade a longo prazo acima do lucro a curto prazo.
Fazer sacrifício pessoal ou despender esforço extraordinário para completar uma tarefa; colaborar-se com os subordinados e até mesmo assumir o lugar deles para terminar um trabalho quando necessário for; esmerar-se para manter os clientes satisfeitos e colocar a boa vontade a longo prazo acima do lucro a curto prazo. Sempre fazer o que diz, cumprir os compromissos, ser fiel a tudo o que foi combinado. Não podemos esquecer que cada minuto de atraso torna os outros muito mais exigentes. Com esta característica nós vamos decidir se vamos ganhar ou perder no mercado mundial. Comprometimento é o valor humano do empreendedor.

CONJUNTO DE PLANEJAMENTO

CCE 6 – Busca de informações

  • Dedica-se pessoalmente a obter informações de clientes, fornecedores ou concorrentes;
  • Investiga pessoalmente como fabricar um produto ou fornecer um serviço;
  • Consulta especialistas para obter assistência técnica ou comercial.
Dedicar-se a obter informações necessárias ao negócio, investigar como fazer o produto ou serviço, consultar especialistas. Buscar obter informações sobre clientes, fornecedores ou concorrentes; investigar como fabricar um produto ou prestar um serviço; consultar especialistas para obter assessoria técnica ou comercial. Para se ter sucesso é necessário ser pessoa curiosa, perguntar tudo a todos: clientes, concorrentes, fornecedores, e inovações. Estar sempre interagindo com o mercado. Busca de informações é a pedra angular, é a base de toda atividade exitosa.

CCE 7 – Estabelecimento de metas

  • Estabelece metas e objetivos que são desafiantes e que têm significado pessoal;
  • Tem visão de longo prazo, clara e específica;
  • Estabelece objetivos de curto prazo mensuráveis.
Estabelecer metas com propósito forte e representam desafios e com grande significação; definir com clareza e objetividade as metas de longo prazo; estabelecer metas de curto prazo mensuráveis e estritamente analisadas. Registrar tudo o que deve ser feito, listar sobre tudo e por escrito. Sempre saber para onde ir, nunca andar a esmo. Estabelecer Metas é o motor do empreendedor, e, é a característica mais importante.

CCE 8 – Monitoramento e planejamentos sistemáticos

  • Planeja dividindo tarefas de grande porte em subtarefas com prazos definidos;
  • Constantemente revisa seus planos levando em conta os resultados obtidos e mudanças circunstanciais;
  • Mantém registros financeiros e utiliza-os para tomar decisões.
Planejar dividindo tarefas grandes em subtarefas com prazos definidos, revisar os planos frente aos resultados obtidos, usar registros financeiros para tomada de decisões; considerando resultados obtidos e mudanças circunstanciais. O planejamento é o mapa do empreendedor, é a bússola valiosa, contudo, difícil de ser executado por ser uma função conservadora, que exige pensamento e concentração, e o empreendedor gosta de fazer, de realizar, de estar na linha de frente. Agora, é sabido que os melhores resultados sempre ficam ao lado daqueles que planejam.

CONJUNTO DE PODER

CCE 9 – Persuasão e rede contatos

  • Utiliza estratégias deliberadas para influenciar ou persuadir os outros;
  • Utiliza pessoas-chave como agentes para atingir seus próprios objetivos;
  • Age para desenvolver e manter relações comerciais.
Utilizar estratégias para influenciar ou persuadir os outros; utilizar pessoas-chave como agentes para atingir os objetivos e atuar para desenvolver e manter relações comerciais. O empreendedor de sucesso está sempre em contato com pessoas e as mantém com vínculos na rede humana. Tem a capacidade de identificar em outras pessoas pontos para multiplicar sua base, para agir a fim de desenvolver networking genuíno e duradouro.

CCE 10 – Independência e auto confiança

  • Busca autonomia em relação a normas e controles de outros;
  • Mantém seu ponto de vista mesmo diante da oposição ou de resultados inicialmente desanimadores;
  • Expressa confiança na sua própria capacidade de completar uma tarefa difícil ou de enfrentar um desafio.
Buscar autonomia em relação a normas, processos sistêmicos e procedimentos; manter os pontos de vista mesmo diante da oposição ou de resultados desanimadores; expressar confiança na própria capacidade de complementar uma tarefa difícil ou de enfrentar desafios. Esta é a consequência de todas as outras características, não a fonte. O empreendedor é otimista, quando as coisas não dão certo, manter a confiança, ir sempre em frente por acreditar na própria capacidade de realizar aquilo a que se propõem.
“O desenvolvimento de um negócio requer habilidades muito além de competências gerenciais e de conhecimento técnico. O sucesso depende fortemente de atitude como indivíduo e ser líder de si mesmo.”
Estas características comportamentais são parte integrante do seminário empretec patenteado pela ONU - Organização das Nações Unidas, ministrado no Brasil pelo SEBRAE (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), e pode-se dizer que todo empreendedor inexperiente ou não, inclusive com extensão para pessoas que pretendem iniciar um negócio próprio, devem participar de tal aprendizado, pela vivência prática e a simplicidade dinâmica de cada etapa do processo, recomendo como impreterível e necessário, procure uma agência Sebrae mais próxima ou ligue no 0800 que eles irão informar o procedimento para ingressar, é simples!
Bom trabalho e grande abraço.
Adm. Rafael José Pôncio

        Reprodução permitida, desde que mencionado o Nome do Autor e o link fonte.       

Nenhum comentário:

Postar um comentário